Wed 25 May 2011

Filed under ConTeXt

Muitas vezes em um texto é nessario descrever algo ou ilustrar alguma ideia. Para tanto, o ConTeXt oferece um recurso chamado description.

A primeira coisa a fazer é dizer ao processador qual é o nome da descrição que gostaria de fazer e como ela deve ser formatada, inserindo o seguinte código no preâmbulo:

\definedescription [<nome>] [<opções>]

Em que <nome> será como você irá informar ao ConTeXt para usar essa sua descrição. <opções> são os parâmetros de formatação que podem ser quaisquer um da seguinte lista (que poderia ser inserida aqui como descrição, diga-se de passagem):

  • headstyle: normal bold slanted boldslanted type cap small… command
  • style: normal bold slanted boldslanted type cap small… command
  • color: name
  • width: fit broad dimension
  • distance: dimension
  • sample: text
  • text: text
  • align: flushleft middle flushright
  • margin: standard yes no dimension
  • location: left right top serried inmargin inleft inright hanging
  • headcommand: command
  • hang: fit broad number
  • before: command
  • inbetween: command
  • after: command
  • indentnext: yes no
  • indenting: never not no yes always first next

Este recurso pode tanto ser usado como comando

\<nome> {<texto>}

ou como ambiente com o par start-stop

\start<nome>
    <texto>
\stop<nome>

Em que <nome> tem a mesma definição citada acima e <texto> é a descrição em si.

Observação: quando uma descrição é maior que uma linha do documento gerado, deve-se utilizar o par start-stop. Caso contrário você se deparará com erros estranhos… ó.Ò

Exemplo mínimo:

\definedescription [conceito] [location=left, headstyle=bold, width=broad]
\starttext
    \conceito {Relógio} instrumento para acompanhamento da ilusão que
        chamamos de tempo.

    \startconceito {Buraco de minhoca}%
        literalmente um buraco feito por uma minhoca.

        Ou a teoria da astronomia de que um buraco negro
        liga dois espaços diferentes.
    \stopconceito
\stoptext
Comment

Wed 25 May 2011

Filed under ConTeXt

Fico muito satisfeito em disponibilizar meu primeiro relatório realizado completamente em ConTeXt.

Observação: ainda tenho mais dois trabalhos para realizar dessa disciplina então as pastas exp2 e exp3 ainda estão vazias. Porém, mantive-as lá pois o reaproveitamento da estrutura (possibilitada pelo ConTeXt) é possível.

Read More

Tue 24 May 2011

Filed under ConTeXt

Em ConTeXt, para se forçar uma quebra de linha utiliza-se o seguinte comando:

\crlf

Exemplo mínimo

\starttext
    Linha 1. \crlf Linha 2.
\stoptext

Que resultará em algo do tipo:

Linha 1.
Linha 2.
Read More

Mon 23 May 2011

Filed under ConTeXt

Muitas vezes precisamos de páginas em nossos documentos que não necessariamente seguem a formatação geral e foi com este intuito que o conceito “makeup” foi criado no ConTeXt. É um tipo de página com definições de leiaute temporários, como cabeçalho, rodapé, margens, etc. É um conceito especialmente útil quando se ...

Read More

Sat 21 May 2011

Filed under ConTeXt

Ainda falando sobre a impressionante capacidade de gerenciamento oferecida pelo ConTeXt, falarei um pouco sobre as meta-estruturas.

Além de todas as possibilidades citadas em ConTeXt e o gerenciamento de documentos complexos, é possível se dividir um documento em elementos funcionais. Na prática, isso significa que as características dos títulos vão ...

Read More

Sat 21 May 2011

Filed under ConTeXt

Na maioria das vezes, trabalhar com combinação de

\input

e

\starttext ... \stoptext

é o suficiente.

Porém, um dos recursos do ConTeXt que mais me chamou a atenção foi o poderoso gerenciamento de documentos. Nele, existem quatro níveis de abstração:

projeto:
Conjunto de textos que devem ser manuseados como um todo ...
Read More

Fri 20 May 2011

Filed under ConTeXt

Em ConTeXt, uma nova macro cujos os parâmetros são obrigatórios é criada da seguinte forma:

\define [<número>] \<comando> {<código>}

Em que:

<número>
é o número de parâmetros que serão passados como argumento.
<comando>
é o nome com o qual a macro será chamada.
<código>
é o que a macro irá ...
Read More

TECEPE ENG BR © tecepe Powered by Pelican and Twitter Bootstrap. Icons by Font Awesome and Font Awesome More